Vitórias Emblemáticas! Em 31 de Março de 1999, Goiás vence o Santos, pela Copa do Brasil!

0

Salva, salve, amigos alviverdes!
A data de 31 de Março está marcada na trajetória do Esmeraldino por uma vitória, em Santos (SP).
Em confronto válido pela jogo de volta da segunda fase da Copa do Brasil de 1999, o Goiás venceu por 4×3 o Peixe, em plena Vila Belmiro.
O placar da partida começou a ser construído logo na primeira etapa.
Aos 40 minutos de jogo, o centroavante Rodrigão abriu o marcador para o Santos.
Mas, dois minutos depois, o Alviverde empatou a partida, através do atacante Araújo.
Já no segundo tempo, logo aos três minutos, Rodrigão mais uma vez colocou o time da casa na frente do placar.
Aos 17 minutos, o folclórico atacante Aloísio Chulapa marcou o segundo do Esmeraldino, deixando o jogo emparado novamente.
Marcos Assunção, dois minutos depois, deixou o Santos na frente.
A virada histórica do Goiás veio a partir daí.
Como na partida de ida, no Serra Dourada, havia terminado 2×1 para o Santos, o Alviverde só se classificaria com vitória – e foi o que aconteceu.
Aloísio Chulapa marcou seu segundo na partida e o terceiro do Goiás, empatando a partida pela terceira vez.
No último minuto de jogo, Araújo marcou o gol da classificação do Esmeraldino, garantindo a classificação e calando a Vila Belmiro.
Placar final: Santos 3×4 Goiás.
Naquela oportunidade, o Alviverde entrou escalado com a seguinte formação: Marcos; Borges Neto (Juninho), Sílvio Criciúma, Júlio Cesar (Maezono), Álvaro e Marquinhos; Marabá, Josué e Araújo; Fernandão (Alex Dias) e Aloísio Chulapa. Técnico: Hélio dos Anjos.
Já a equipe do Santos foi a campo com: Zetti; Michel (Valdir), Argel Fucks, Andrei e Gustavo Nery; Marcos Basílio, Marcos Assunção, Eduardo Marques (Lúcio) e Jorginho; Rodrigão e Rodrigo Fabri. Técnico: Émerson Leão.
A arbitragem da partida ficou por conta de Fabiano Gonçalves.
Pela Copa do Brasil de 1999, o Esmeraldino teve como o adversários: Moto Clube (MA), Santos (SP), Vasco (RJ) e Internacional (RS).
Na classificação geral da competição, o Goiás terminou na sétima colocação.
Os maiores goleadores do time no campeonato foram os atacantes Aloísio Chulapa e Araújo, com cinco gols, dois a menos que os artilheiros da competição, Romário do Flamengo (RJ) e Petkovic do Vitória (BA).

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies