Vendas de Tche Tche e João Pedro faz Palmeiras arrecadar valor milionário

O Porto tornou oficial na tarde de quinta-feira o que já era dado como certo há alguns dias: a contratação do lateral João Pedro, do Palmeiras.
Dono de 50% dos direitos econômicos do jogador, o Verdão embolsará aproximadamente R$ 9 milhões – o valor total da transação foi 4 milhões de euros (R$ 17, 9 milhões).
Mais $: na noite de quarta-feira o volante Tchê Tchê embarcou para Kiev, na Ucrânia, para realizar exames médicos e assinar contrato com o Dynamo. Por 100% dos direitos econômicos do jogador, o Palmeiras receberá pouco mais de R$ 21 milhões.
No orçamento de 2018, previsto em R$ 477 milhões, o clube não projetava arrecadar um real sequer com negociações, mas apenas com as vendas de João Pedro e Tchê Tchê foram R$ 30 milhões. Segundo o presidente Maurício Galiotte, outros atletas poderão sair em caso de “propostas irrecusáveis”; Keno, por exemplo, seria alvo do mercado árabe numa negociação que poderia beirar os R$ 40 milhões.

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies