Sem marcar desde a estreia, Kayke corre o risco de barração no Fluminense

Para substituir Pedro, que sofreu um estiramento nos ligamentos do joelho direito e não tem previsão de retorno aos gramados, o Fluminense investiu na contratação de Kayke, mas até o momento, o centroavante, trazido junto ao Bahia, em quatro jogos, não balançou as redes com a camisa da equipe das Laranjeiras, rendimento o qual não vem agradando a torcedores e comissão técnica. Diante disso, o Tricolor pode ter, nos próximos compromissos, um novo comandante de ataque.
O favorito para ocupar a função é Luciano. Após ser observado no meio, o atacante foi testado mais à frente e comprovou ser mais eficiente que Kayke ao marcar na derrota de 3 a 1 para o Atlético-PR de domingo, em Curitiba, pelo Campeonato Brasileiro.
Outras opções do técnico Marcelo Oliveira são Júnior Dutra, que também nao vem correspondendo, Pablo Dyego e Matheus Alessandro. Nos dois últimos casos, o time passaria a ser escalado sem um homem de referência no setor ofensivo.
A barração definitiva de Kayke pode ganhar mais força nesse meio de semana. Por já ter disputado a Copa Sul-Americana com o Bahia, ele não pode ser inscrito pelo Flu e, assim, fica de fora do confronto de ida das oitavas de final do torneio na quinta, às 19h30 (de Brasília), no estádio Casablanca, em Quito, no Equador, diante do Deportivo Cuenca.

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies