Roger Machado elogia grande primeiro tempo do Palmeiras diante do Bahia

0

Logo com dois minutos de jogo, o camisa 9 recebeu de Keno, fez jogada individual e rolou para Willian abrir o placar. Aos 32’, Marcos Rocha tabelou com Lucas Lima e cruzou rasteiro para o zagueiro Antônio Carlos fazer mais um. Já aos 41’, o camisa 20 achou Borja, que deixou a sua marca e fechou a conta.
“Foi um primeiro tempo brilhante, de atuação coletiva e individual muito alto. Sem dúvidas nenhuma, ter aberto o placar logo cedo fez com que nosso adversário tivesse que sair um pouco de seu campo de defesa e, a partir deste momento, tivemos mais espaço para jogar. Mas, mesmo com um primeiro tempo de alto nível, não foi fácil. O Bahia também chegou, tem um ataque leve e veloz, um jogador que joga na frente e segura os dois zagueiros. E foi um segundo tempo que nós controlamos um pouco mais, chegamos algumas vezes, o Bahia teve forças para atacar também”, disse o comandante, em entrevista coletiva.
Com 11 pontos, o Palmeiras pulou para a terceira posição, ficando atrás do Flamengo nos critérios de desempate. O líder é o Atlético-MG, que venceu na rodada e chegou aos 13 pontos.
“Acho que, no conjunto da obra, foi um bom jogo. Era importante vencer e ter estes três pontos para não deixar aqueles que estão na frente se distanciarem e para se aproximar dianteiro do campeonato”, completou Roger.
Na próxima rodada, o Verdão joga no sábado, 26, contra o Sport, em casa. Antes, na quarta-feira, a equipe recebe o América-MG, pela volta das oitavas de final da Copa do Brasil.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies