Oriental de Portugal, do bairro aos corações!

E com uma torcida bairrista que com tanta alegria não ver hora e nem tempo para botar a camisa e ir pro campo ver o maior dos maiores

Imagem retirada do site do clube.

Um time do bairro, um time onde emoções são as bebidas que assim embriagas seus torcedores, sem descrição de idade, onde essa bebida vem matando a sede desse povo desde sua fundação onde a necessidade de um bairro tão amado ser tão bem representado, onde glórias é o carro chefe desse povo amado.

O Oriental esse é o clube que desde do dia oito de agosto, como sol radiante surgi todas manhãs assim é o Oriental ou como é conhecido C.O.L, que caçula nasceu mas gigante se tornou, e cada vez mais se expande e o sonho de ser grande já não é mais um sonho e sim uma realidade.

E com uma torcida bairrista que com tanta alegria não ver hora e nem tempo para botar a camisa e ir pro campo ver o maior dos maiores, ver em campo onze dançarinos desfilarem com a bola no pé, e como uma plateia apaixonada, todos em pé batem palmas vendo a rede balançar.

Oriental é um clube do povo, é um time sem descriminação, sem status apenas é o Oriental, onde seus anos de existência mostra a sua resistência em poder estar bravamente lutando mesmo quando tudo parecia estar sem rumo, sem força, mas não desistiu foi em frente com sua marcha a lutar dentro ou fora de Márvila sua terra querida.

Um clube com o tamanho do Oriental com sua força histórica e social é para muitos tantos outros clubes um exemplo, pois um clube com glórias que vão além das quatros linhas é para poucos, e Oriental é um desses seletos clubes que estão nessa classificação, pois tem o seu nome na história cravada de Portugal.

Seus bravos jogadores são impulsionados por um mar de gente que nas arquibancadas faz como as ondas que empurram sempre a frente os navios, sendo o ponto final as redes de seus adversários a balançar. E quando balança a terra treme, para, as chuvas congelam, o sol brilha, os olhos travam e as emoções se explodem com os lábios de seus torcedores a tremer e de lá do fundo do coração se ouve o grito de gol.

Assim é o Oriental o time do bairro amado, do torcedor apaixonado, do povo és idolatrado e pela história está registrado como o maioral o C.O.L, que permanece firme na divisão que estiver, mas que sonhe sempre alto como os seus apaixonados torcedor e como foram planejado pelos seus fundadores naquele oito de Agosto onde todos já o classificava como um dos mais importantes da história do futebol.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler mais sobre isso