“O dia foi muito especial pra mim”, diz Jean Pyerre após receber elogios de Renato Portaluppi

O GreNal 417 foi marcado pela vitória do Internacional e pelas confusões pós jogo, mas quem também não passou em branco foi o jogador Jean Pyerre do Grêmio. O jogador de 20 anos está no clube desde 2008 e foi elogiado pelo técnico Renato Portaluppi na sua coletiva. Jean conseguiu mostrar nos minutos que esteve em campo o porquê de ser tratado como promessa. Ele conseguiu mostrar que é um meia diferenciado e que “chega na área” pelas palavras de Renato.

“O Jean a gente tá tentando corrigir algumas coisas dele, a gente vê muita qualidade nesse jogador. Tenho muitas conversas com o presidente sobre ele. É um jogador que com certeza tem muito a acrescentar ainda, mas pela qualidade dele vocês puderem ver hoje mais do que nunca, em pleno grenal, que ele sabe jogar chegando na área do time adversário.”

Ao final da partida, Jean nos contou com exclusividade que o técnico Renato o ajuda bastante em relação a intensidade e a procura por um jogo mais dinâmico. “O Renato me ajuda bastante em relação a essas coisas, ele vem fazendo um bom trabalho e sou grato a ele, pois foi ele que me levou para o grupo principal novamente.”

Novamente, pois Jean Pyerre já estava no grupo principal no final do ano passado. Naquela época, cobravam dele justamente o que de principal ele fez hoje, entrar na área. Jean, naquele período, era um jogador que atribuía mais passes. “Eu era um jogador que dava muitos passes, tinha a opção de finalização mas eu sempre optava pelo passe” disse. Então, nesse ano, Jean jogou pelo grupo de transição e o técnico dele trabalhou muito a questão de entrar na área e tentar finalizar, a pedidos da equipe técnica.

“Esse foi um dos fatores que fizeram eu voltar para o profissional, então toda essa situação me ajudou bastante. Eu tô tranquilo, tô feliz agora podendo fazer meu papel minha função.”

Depois de sua volta ao grupo principal, Jean já jogou algumas partidas pelo profissional, mas vê um clássico GreNal como sendo diferente para ele. “Eu já tinha jogado alguns jogos pelo profissional, já tinha uma experiência, mas foi o meu primeiro GreNal como profissional, então tudo pra mim foi diferente.”

Jean Pyerre teve um dia especial. Recebeu elogios da torcida e dos dois técnicos, Renato e Odair, mas, lamenta o placar. “Pena que não veio a vitória, mas tô feliz com meu desempenho e a equipe também não jogou mal. Então perdemos no detalhe, mas foi tudo especial”. Ainda agradeceu a toda comissão técnica, Renato e seu Auxiliar Gabeira.“Eu aprendo muito com eles”, finaliza.

Comentários
Carregando comentários...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Conheça nossas políticas