Mesmo sem o apreço da torcida, dupla manterá “rostos indesejados” em 2020

Nomes duramente contestados em 2019 seguirão no plantel de Grêmio e Inter para a temporada que se iniciou essa semana

Ano novo, vida nova. Esse lema frequentemente usado no início do ano não possui tanta validade para os torcedores da dupla Grenal. Apesar das expectativas de renovações nos plantéis, ambas as diretorias pouco contrataram e, mesmo sem o prestígio da torcida, manterão nomes indesejados para o ano que começa.

O Inter deu o pontapé inicial para 2020 nesta quarta-feira (08) e contou com três rostos que a torcida colorada não estava tão ansiosa para voltar a ver pelos cantos do Beira-Rio: os dois laterais Uendel e Zeca, e do atacante William Pottker.

No Grêmio, que voltou aos trabalhos um dia depois, na quinta-feira (09), não foi diferente: três nomes que seguirão no clube não deixaram a torcida tricolor feliz ao revê-los no CT Luiz Carvalho. São os casos do goleiro Paulo Victor e dos atacantes Diego Tardelli e André.

 

UENDEL

O lateral-esquerdo, que chegou a ser um dos nomes do Inter durante a campanha da Série B em 2017, não teve bom desempenho na temporada passada e se tornou frequentemente um dos alvos da torcida colorada. Mesmo com proposta do Vasco, Uendel decidiu seguir no clube gaúcho para 2020, ano em que termina seu contrato.

O Inter ainda não contratou jogadores para a posição, fazendo com que Uendel seja uma opção válida para o lado esquerdo no time de Eduardo Coudet.

Uendel é um nome que não agrada a torcida colorada, mas seguirá em 2020. Foto: Ricardo Duarte/Internacional

 

PAULO VICTOR

Chegado ao Grêmio em 2017, o goleiro de 32 anos viveu uma temporada conturbada em 2019. Apesar de ser um dos heróis na conquista do Gauchão, Paulo Victor não tem o prestígio da torcida gremista e constantemente é alvo de piadas pela internet em relação aos gols que leva.

O tricolor gaúcho busca um novo goleiro para a temporada, mas tudo indica que Paulo Victor seguirá em Porto Alegre.

 

ZECA

Com o título de campeão olímpico, o lateral chegou ao Inter em 2018 gerando grandes expectativas, que não foram confirmadas. Contando com duas lesões, Zeca não brilhou no colorado e perdeu espaço para o jovem Heitor durante a temporada passada.

Por considerar os valores pedidos muito altos, o Palmeiras recuou na tentativa de negociar com o Inter pelo atleta. Devido a isso, o ex-Santos fará parte dos planos de Coudet e terá um novo concorrente, Rodinei.

 

ANDRÉ

Na Arena desde 2018, o atacante foi uma das grandes contratações do Grêmio e custou R$10 milhões aos cofres tricolores. Autor do gol que deu ao tricolor o título de campeão gaúcho de 2019, André foi o principal alvo de críticas da torcida e teve média de 0,16 gols por jogo ano passado.

Mesmo com sondagens do Coritiba, o jogador seguirá nos planos de Renato Gaúcho e tem respaldo da direção. “Realmente está bem abaixo do que a gente esperava, ele sabe disso. A intenção é recuperá-lo”, disse Duda Kroeff, vice de futebol do clube.

 

POTTKER

Grande nome do Inter em 2017, o ponta não agrada a torcida colorada desde 2018. Sofrendo duras críticas e piadas envolvendo seu nome na internet, Pottker perdeu espaço com Odair Hellmann durante boa parte da temporada passada, sendo quase negociado com o Botafogo.

Gols importantes no final do Campeonato Brasileiro lhe renderam expectativas para o ano que se inicia e a confiança do técnico Coudet, já que o Inter agora pouco tem jogadores para sua posição.

 

TARDELLI

Contratação de alta expectativa para 2019, o centroavante virou frustração ao fazer apenas sete gols em 47 partidas com a camisa tricolor. Não se firmou no time titular e foi duramente contestado pela torcida, principalmente pelo seu elevado salário. Além do baixo desempenho dentro de campo, Tardelli também teve episódios de desentendimento com torcedores através das redes sociais.

Passei por algumas situações bem complicadas neste retorno e acredito que eu não estava psicologicamente preparado para enfrentá-las, mas isso faz parte do passado e agora eu só quero olhar para frente”, disse o jogador.

 

Aos 34 anos e com contrato até 2021, o atleta foi especulado como possível saída do clube. Com nenhum acordo firmado e sendo homem de confiança de Renato, Tardelli busca redenção com a torcida neste ano.

Apesar das altas expectativas, Tardelli foi uma decepção para a torcida gremista em 2019. Foto: Itamar Aguiar/Grêmio

Mesmo com a desconfiança das torcidas, a temporada que se inicia é uma ótima oportunidade para os atletas refazerem suas imagens em seus respectivos clubes. Grêmio e Inter terão semanas cheias de trabalho, em dois turnos, visando recondicionamento físico e readaptação dos jogadores.

 

 

1 comentário
  1. Douglas Diz

    Arrasouu sua lindaa! Gostei da matéria, parabens.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler mais sobre isso

Políticas de privacidade e Cookies