Leão também quer asas

O Braga foi o melhor, foi o primeiro, foi o único, que mais balançou as redes, que mais alegria trouxe ao seu torcedor...

Chegou a hora da luta, assim é o início do hino do Bragantino, o time do interior de São Paulo, que nesse ano entrou para o cenário principal do futebol brasileiro, o tão sonhado acesso para elite do futebol algo que não ocorria há algum anos, mas com uma mãozinha ou melhor com um par de asas o massa bruta decolou para a primeira divisão do futebol.

Era um acesso que já era falado há algum meses atrás quando o Bragantino anunciou a fusão com a gigante RED BULL a gigante na área dos energéticos, e esse energético aplicado na equipe de Bragança Paulista não foram pouco não, foram em milhões, e esses milhões fizeram o clube de Bragança subir e despontar como o único favorito na série B.

O Braga foi o melhor, foi o primeiro, foi o único, que mais balançou as redes, que mais alegria trouxe ao seu torcedor, também foi o que mais goleada aplicou, foi o que teve mais raça em suas lutas mesmo quando entrava sabendo que seria vencedor.

Sua defesa foi menos vazada, seu ataque foi fulminante seu meio de campo foi indiscutível, seus detalhes foram minuciosamente cuidado por um técnico experiente e por uma equipe sensacional que com muito estudo e dedicação e coragem de todos colocaram o futebol bragantino em cena,

Sim, seria hipocrisia da minha parte em querer falar que o Bragantino sem a sua fusão com o RB Brasil daria certo com o seu acesso e título, mas também temos que considerar que foi muita coragem do Marcelo Chedid em querer fundir com a empresa, e unindo a história e tradição do Massa Bruta com a administração e com o dinheiro da RED BULL.

Que Bragança continue fazendo história com o futebol, assim como fez em 1981 quando o Bragantino e Novorizontino fizeram a final caipira do Campeonato Paulista, onde a força do Leão mostrou suas garras e com um duelo com o tigre o leão foi o rei da selva, ou melhor foi rei caipira de São Paulo, onde o título do Bragantino foi o mais Paulista de todos.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler mais sobre isso