Estatística do Inter até a Copa do Mundo

 
Em meu último comentário neste espaço fiz referência às minhas expectativas em relação ao time do Inter na edição 2018 do Campeonato Brasileiro. Leia aqui
O texto era, apesar do meu coloradismo, de forte viés pessimista. Agora estamos na parada – InterTemporada, como dizem alguns – da Copa do Mundo da Rússia. Nesta janela, os clubes procurar reformular seus grupos de jogadores seja vendendo, seja adquirindo novos atletas.
Pois o Campeonato Brasileiro parou na décima segunda rodada e como está o Inter? Estamos na terceira colocação com 22 pontos, a cinco pontos do líder Flamengo. Considerando-se o raciocínio do início do campeonato, lutar para ficar na primeira divisão ou para não cair de novo, estamos a 1o pontos do Z4 e já conquistamos 48,8% dos pontos necessários para garantir a permanência na Série A.

Agora, vamos ver como o Inter construiu esta pontuação provisória. Nos 12 jogos foram 6 vitórias, 4 empates e 2 derrotas, num aproveitamento de 61% dos 36 possíveis. Destes 22 pontos, 22,7% (6 pontos) foram conquistados contra times superiores tecnicamente ao nosso (1 vitória e 2 empates), 50% (11 pontos)de conquista sobre times iguais  (3 vitórias e 2 empates) e 27,3% (6 pontos) sobre equipes inferiores tecnicamente.
No meu texto anterior, dividi as outras equipes em três grupos (superiores, iguais e inferiores ao Inter) e estimei o quanto faríamos de pontuação EM TODO o campeonato contra estas equipes: Dos 10 pontos previstos contra os mais fortes, já conquistamos 50%, dos 25 pontos entre os iguais, 66,6% conquistados e, finalmente, 40% dos estimados 24 pontos nas disputas contra times mais fracos que o nosso.
Um ponto importante a ser ressaltado é que a maior parte destes 12 jogos foi contra times da chamada “primeira página da tabela”. Isso significa que teremos enfrentamentos mais fáceis no retorno do Brasileirão? Não mesmo. Assim, por decreto ninguém garante nada. Como dizia um comentarista “das antigas” quem faz a tabela é time, ele a torna fácil ou difícil. Se houver dedicação, entrega o jogo pode tornar-se fácil. Porém, se achar que está resolvido previamente a possibilidade de tragédia só cresce.
O que significam todos os estes números? Nada além daquilo que representam…o histórico do Inter antes da parada da Copa. Só isso. Mas, se levarmos em conta que nosso receio era de estarmos fazendo contas… as notícias são ótimas.
Outro aspecto importante é que terminamos este período pré-Copa com 8 jogos de invencibilidade e com uma das melhores duplas de zagueiros do campeonato (Moledo e  Cuesta). Quem diria,né?
 
Agora,
aproveitem a Copa do Mundo.
Saudações Coloradas,
Ulisses Santos.

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies