Em jogo equilibrado, Grenal 419 fica no empate sem gols; decisão será na Arena

45209 torcedores estiveram no Beira-Rio na tarde deste domingo no Estádio Beira Rio para assistir o clássico grenal 419. A partida válida pelo primeiro jogo da final do Campeonato Gaúcho terminou com placar em branco e ficará tudo para ser resolvido na Arena do Grêmio na próxima quarta-feira 21h30.

Odair Hellmann e Renato Portaluppi preferiram entrar em campo com os melhores titulares de suas equipes, diferente do Grênal passado onde ambos colocaram reservas.

O Internacional entrou em campo com Rithely no lugar de Rodrigo Dourado, isso porque Dourado sofreu uma lesão que deixou ele de fora do clássico 419.

Já Renato Portaluppi manteve a equipe que iniciou a partida contra o Rosario Central no meio da semana. A única mudança foi a saída de Diego Tardelli para a entrada de Alisson, pelo lado direito de ataque.

O clássico 2019 teve um primeiro tempo equilibrado e tranquilo. Ambas equipes tentaram empurrar a “gorduchinha” para dentro das redes. Alisson meteu a bola no travessão enquanto que Guerrero quase fez o dele.

PRIMEIRO TEMPO

Aos 6, o Internacional chegou com bastante perigo pela direita em tabela com D’Alessandro, o gringo cruzou rasteiro, a zaga tirou mas na sobra Nico Lopez chutou rente a trave de Pulo Victor, quase quase o Inter abriu o placar.

Mas o jogo estava quente, e quando o uma das equipes perdia a bola a outra equipe aproveitava para contra atacar.

Aos 8 após cobrança de falta de Jean Pierry, o Grêmio também chegou com perigo, em boa cabeçada de Kannemann dentro da pequena área, mas a bola passou por cima da goleira de Lomba.

Leandro Vuaden não estava a fim de conversa e somente marcava falta em lances que realmente era muito perigoso, aos 12 Nico Lopez invadiu a área, se livrou do primeiro marcador mas foi parado pelo segundo, caiu no chão, ficou pedindo o pênalti e a torcida ficou na bronca com a arbitragem.

A partir dos 15 minutos o Grêmio começou ter controle dentro da casa do adversário.

Aos 15 minutos outra chance para o Grêmio abrir o placar mas a bola cruzada para pequena área por Cortez rolou de uma trave a outra mas ninguém apareceu para buscar a bola que acabou ficando com a zaga do Inter que afastou.

Aos 18, ainda do primeiro tempo, Odair Hellmann, que havia colocado Rithely no jogo, sacou o volante para colocar Rodrigo Lindoso na partida.

Aos 21 Grêmio chegou forte, Alisson se livrou de Patrick e ainda de fora da área, chutou uma bomba de canhota e a bola explodiu no travessão, assustando o goleiro Marcelo Lomba.

No momento da parada técnica para beber água, Odair Hellmann inverteu Nico Lopez e D’Alessandro de lado e isso fez bem ao time colorado. A melhor oportunidade do Internacional foi aos 32 Patrick na esquerda, rente a linha de fundo, se livrou do marcador, invadiu a pequena área, cruzou rasteiro já com Paulo Vitor vencido, mas Paolo Guerrero não chegou a tempo, ficou se lamentando e a zaga afastou o perigo.

Aos 42, O Grêmio ia chegar com perigo, Victor Cuesta fez um desarme a la Guiñazu e a bola ficou no contra ataque para o Inter, a defesa gremista se recompôs, Edenilson passou para Nico Lopez que chutou de longe mas a bola passou por cima do goleiro Paulo Vitor.

Próximo do final do primeiro tempo, aos 46 D’Alessandro e Renato Portaluppi tiveram uns segundo de conversas, o árbitro entendeu como provocação e tentou separá-los, um tumulto de jogadores na área técnica transformou, mas ficou tudo calmo, um minuto e meio depois reiniciou a partida, indo para o intervalo minutos após.

SEGUNDO TEMPO

No segundo tempo, a equipe de Renato Portaluppi voltou com Pedro Geromel e Kannemann segurando Paolo Guerrero enquanto que Maicon e Bruno Cortez se revezavam para marcar de Nico Lopez.

Aos 5 minutos, Nico Lopez recebeu a bola na meia lua da entrada da área, mas Maicon chegou forte empurrando o uruguaio com os ombros. Falta a  favor do Inter, mas D’Alessandro chutou em cima da barreira.

Aos 8 minutos teve consulta do VAR, após Rodrigo Moledo cair no gramado com suposto tava no rosto provocado por André. Leandro Vuadem puxou amarelo do bolso. dois minutos após consultar o Var, apenas mandou o jogo seguir e o amarelo manteve.

Primera chance clara do segundo tempo somente aconteceu aos 20 minutos com Jean Pyerri, ele passou por Edenilson, chutou cruzado transversal e a bola passou rente a trave esquerda de Lomba. Segundos depois, Éverton chegou com perigo, passou por Zeca, driblou Moledo e chutou. Marcelo Lomba defendeu.

Aos 23, D’Alessandro saiu para entrada de Guilherme Parede, mas Renato Portaluppi aproveitou a saída do gringo para colocar mais um atacante, Diego Tardelli no lugar de Alisson.

Aos 28, Nico Lopez ganhou a bola na defesa, saiu correndo pro ataque, lançou para Paolo Guerrero que chutou, a bola voltou para Nico Lopez que chutou. Paulo Vitor defendeu com o joelho e ficou no chão. O Grêmio tentou o contra ataque, Lomba defendeu um chute de Eveton, e somente depois Leandro Vuadem viu Paulo Vitor no chão.  “Timinho” gritava a torcida colorada.

32, Nico Lopez recebeu a bola, chutou, Paulo Vitor fez grande defesa, na sobra Paolo Guerrero tentou o rebote, Paulo Vitor espalmou e a bola saiu para lateral.

Aos 40, Odair Hellmann e Renato Portaluppi gastaram a última substituição: Guerrero saiu para entrada de Rafael Sobis; Entra Pepê no lugar de André. Seria mais um atacante para o time do Grêmio.

Aos 42, após cobrança de escanteio, Nico Lopez cruzou, encontrou a cabeça de Patrick mas a bola passou raspando o travessão de Paulo Vitor.

 

Comentários
Carregando comentários...

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você está bem com isso, mas você pode optar por sair, se desejar. Aceito Conheça nossas políticas