Com ameaça de demissão, Odair pode promover mais mudanças no Fluminense

Além das entradas de Nino e Fernando Pacheco, treinador analisa trocar dupla de volantes

O técnico Odair Hellmann, além das entradas de Nino na zaga, substituindo Luccas Claro, e de Fernando Pacheco no ataque, com Marcos Paulo indo para o banco, estuda mais duas mudanças no Fluminense, visando o compromisso de quarta, às 21h30 (de Brasília), no Castelão, em São Luís, diante do Moto Clube, o primeiro do Tricolor na Copa do Brasil de 2020.

Na atividade fechada realizada nesta segunda-feira no CT Carlos Castilhos, o comandante sacou Yuri e Henrique, formando a dupla de volantes com Hudson e Dodi. Em outro determinado momento, Yuri voltou no lugar de Dodi e Hudson passou a atuar um pouco mais adiantado.

A definição, porém, só acontecerá logo após o treino da manhã de terça, ainda no Rio de Janeiro. Na parte da tarde, a delegação segue rumo a São Luís.

Apesar de ninguém falar abertamente, a partida contra o Moto Clube é fundamental para o seguimento de Odair à frente do Fluminense. Caso, assim como ocorreu na Copa Sul-Americana, haja uma eliminação precoce (o Tricolor joga por um empate para avançar) na Copa do Brasil, o treinador não permanecerá. Nos bastidores, alguns nomes já vêm sendo especulados.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler mais sobre isso

Políticas de privacidade e Cookies