Após longa reunião, Conmebol muda local de decisão da Libertadores

Por conta de tumultos no Chile, Flamengo e River Plate se enfrentarão em Lima, no Peru

Após mais cinco horas de reunião na sede da Conmebol, em Assunção, ficou definido que, por conta da situação caótica pela qual atravessa o Chile há mais de um mês, a decisão da Taça Libertadores da América entre Flamengo e River Plate não será mais disputada em Santiago, mas sim, no Estádio Nacional de Lima, no Peru. O confronto está mantido para o próximo dia 23 de novembro, às 17h30 (de Brasília).

Ao longo do encontro, do qual participaram os membros da Conmebol, os presidente de Flamengo e River Plate, além de representantes da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e da Associação de Futebol da Argentina (AFA), várias cidades sul-americanas se ofereceram para sediar a partida. No final, acabou prevalecendo a capital peruana.

Dessa forma, o Estádio Nacional de Lima, que tem capacidade para receber 80 mil pessoas, será o primeiro a receber a final da Libertadores em jogo único. Em 2020, a decisão do torneio continental será no Maracanã.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler mais sobre isso