América Mineiro vence e deixa Vasco em situação complicada na tabela

América precisou sofrer um pouco, mas voltou a vencer após revés para o Vitória, na última rodada. Nesta quinta-feira, no Independência, pela 23ª jornada do Campeonato Brasileiro, o Coelho teve um ótimo desempenho na primeira etapa contra o Vasco, quando Carlinhos abriu o placar. No segundo tempo, o Alviverde caiu de produção e levou o empate. Um minuto depois, o Coelho contou com Gérson Magrão, que fez o gol da vitória alviverde por 2 a 1 sobre o rival carioca.
A vitória recoloca o América na primeira metade da tabela. O Coelho agora é o 9º colocado, com 29 pontos. O Vasco conheceu sua terceira derrota seguida e está em situação complicada na competição. O time carioca é o 16º, com 24 pontos, um acima do Sport (23), o 17º e primeiro clube na zona de rebaixamento.
Na próxima rodada do Brasileiro, o América volta a atuar diante de sua torcida e, mais uma vez, contra um rival direto na luta pela permanência na primeira divisão nacional. No Independência, às 16h de domingo, o Coelho recebe o Ceará. Às 19h do mesmo dia, o Vasco enfrenta o Vitória, no Barradão.
O jogo – A escalação proposta por Adilson Batista, com mais peças no meio-campo, deu certo e o América teve superioridade em ocupação de espaços, posse de bola e chances criadas.
O Coelho tinha boa troca de passes na intermediária ofensiva e contava com a maioria das chegadas pelos lados do campo. Com Magrão, Giovanni e Carlinhos pela esquerda e Wesley e Norberto pela direita, o time mineiro foi eficaz e finalizou sete vezes, contra duas do adversário na primeira etapa.
Aos 30 minutos, a melhor trama alviverde deu resultado. Magrão escapou pela esquerda e recebeu na linha de fundo. O ala cruzou rasteiro, mas a bola foi afastada com chutão de Raul. Carlinhos encontrou espaço e ficou livre para pegar a sobra, de primeira. Martín Silva saiu atrasado e não conseguiu evitar o tento americano. 1 a 0.
Sete minutos depois, de falta, o América quase ampliou. Mais uma vez com Carlinhos, que finalizou bem mas, caprichosamente, a bola bateu na trave e saiu. O Coelho dominava as ações no confronto e, depois do gol, diminuiu o ritmo, deixando o Vasco com mais iniciativa.
Com o América mais retraído, Alberto Valentim optou por trocar o meia Thiago Galhardo pelo atacante Andrés Rios para o segundo tempo. O Vasco melhorou, conseguiu trabalhar a bola no campo americano e criou boas chances. Aos 17′, Yago Pikachu bateu falta na área, Maxi López desviou de cabeça e acertou o travessão.
Antes dos 30′, os visitantes já haviam conseguido inverter os números de posse de bola no confronto com 51% frente a 49% do América. Aos 33′, Matheus Ferraz deu tranco leve nas costas de Maxi López em bola alçada na área. O árbitro Heber Roberto Lopes marcou a penalidade máxima, convertida pelo centroavante cruz-maltino. 1 a 1.
A sequência não foi tão sofrida como de costume para o América. Um minuto depois, após linda jogada de Aderlan, que fintou dois marcadores pela ponta direita, Gérson Magrão recebeu o cruzamento, dominou e bateu forte. 2 a 1. Nos acréscimos, João Ricardo ainda fez ótima defesa e garantiu os três pontos ao Coelho.

AMÉRICA 2 x 1 VASCO

América
João Ricardo; Norberto (Aderlan), Messias, Matheus Ferraz e Carlinhos; Leandro Donizete, David, Wesley (Juninho), Gérson Magrão (Lincoln) e Giovanni; Luan
Técnico: Adilson Batista
Vasco
Martín Silva; Lenon, Luiz Gustavo, Bruno Silva e Henrique; Leandro Desábato (Andrey), Raul, Thiago Galhardo (Andrés Rios), Wagner e Yago Pikachu (Marrony); Maxi López
Técnico: Alberto Valentim
Gols: Carlinhos, aos 30′ do 1ºT, e Gérson Magrão, aos 34′ do 2º T (América); Maxi López, aos 33′ do 2º T (Vasco)
Cartões amarelos: Leandro Desábato (Vasco); Matheus Ferraz (América)
Público: 5.061
Renda: R$ 48.329,00
Motivo: 23ª rodada do Campeonato Brasileiro
Estádio: Arena Independência
Data: quinta-feira, 6 de setembro
Horário: 20h
Árbitro: Heber Roberto Lopes (SC)
Assistentes: Henrique Neu Ribeiro e Éder Alexandre (SC)
– MG SuperEsportes

Os comentários estão fechados, mas trackbacks E pingbacks estão abertos.

Este site usa Cookies para aperfeiçoar a experiência dos leitores. Aceita continuar? Aceito Ler: Política de privacidade e cookies